Depois de escrever um pouco sobre os conceitos de vinhos naturais, orgânicos e biodinâmicos, essa semana minha dica de vinho é nessa linha, mais especificamente dos vinhos naturais. O Era dos Ventos Peverella 2017 (R$ 225).

Leia mais: Vinhos Naturais, Orgânicos e Biodinâmicos

A Era dos Ventos é um projeto ousado e super interessante liderado pelo Luís Henrique Zanini, que também é enólogo da vinícola Vallontano do Vale dos Vinhedos, e o amigo Álvaro Escher. Os dois resolveram fazer vinhos com uvas quase extintas e métodos de vinificação ancestrais.

A uva Peverella que dá o nome a esse vinho, foi a primeira uva branca vinda da Itália para o Brasil, mas atualmente tem uma produção restrita, geralmente localizada nos vinhedos de Bento Gonçalves.

Era dos Ventos Peverella

O vinho Era dos Ventos Peverella, além de natural, feito com uvas antigas e nada convencionais, é um vinho laranja. Isso mesmo, laranja. A maceração desses vinhos é feita de uvas brancas juntamente com suas cascas, diferente dos vinhos brancos tradicionais cujas peles são retiradas antes do processo de fermentação. Este processo, além da cor laranja, oferece ao vinho taninos e uma maior estrutura. A Era dos Ventos é pioneira na produção de vinhos laranjas no Brasil.

A explosão de aromas e sabores desse vinho é incrível, são tantas notas de frutas que por algum momento você imagina se realmente está tomando um vinho. A resposto vem logo, é um vinho, mas não qualquer vinho! Quilômetros de distância de tudo que seja convencional.

Vinho da semana anterior: La Sereine Chablis

Write A Comment